A Língua Brasilina de Monteiro Lobato

“Não obstante a menina cresce, aconchegada com amor no seio do povo. Já é ela, a neta, e não mais a avó erudita, quem satisfaz as necessidades de intercambio mental dos roceiros, das patuleias urbanas e dos literatos que se dirigem às massas e não às elites. Nela é que o sertanejo ama, o gaúcho bravateia, o retirante chora, o seringueiro lamenta-se, o vaqueiro descanta, o cafajeste pernostica. Tem já poetas embelecados pelas suas graças nascentes, e adoradores prosistas, doidos pelo seu linguajar langue, ingenuo, expressivo e vivamente impregnado da côr, do som, do cheiro, do itê, do agreste da terra brasílica (…)

Cem anos levará isto? Que importa? Cem, duzentos, quinhentos – isso é nada na vida de um povo. E sinházinha Brasilina não tem pressa. Menina descançadota, meio “mãe da vida”, ela não olha para o tempo e, despreocupada, folga e ri de pé no chão à beira dos córregos, pelas vendolas de estrada, nos casebres de sopapo, nos sambas, nas catiras, nas farras, na peraltagem infantil das ruas. Convive apenas com um povinho miudo. Foge acanhada dos grandes, em cujo olhar severo só vê censuras e desprezo (…)

Brasilina permanece roceira, e só nos campos reina qual ninfa selvagem – pés nus, ventos nos cabelos, sol nas faces. (…) Porque Brasilina é volúvel. Traja-se de gaucha dos pampas, de vaqueira no centro, de seringueira na Amazonia e só a teremos estudada de modo integral, nas graças corporais e na psicologia, quando lhe fotografarmos as variantes. Só esse trabalho coletivo nos permitirá a posse do diamante bruto que por aí rola nas mãos calejadas do povileu. Feito isso, é lapidá-lo na ourivesaria da rima e da prosa e teremos criado a língua nova que no futuro falarão cem ou duzentos milhões de homens”

(Monteiro Lobato. “Dialeto Caipira” In: A Onda Verde. São Paulo, Brasiliense, 1979. Pp: 78-79)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: